Movimento Mundial pelas Florestas Tropicais

Feminicídio e impunidade: uma crise humanitária na América Central e um problema cada vez maior em todo o mundo

PeM_feminicidioEl Salvador tem a maior taxa de feminicídio do mundo, Guatemala, a terceira, e Honduras, a sétima. Na Guatemala e em Honduras, apenas 2% dos casos de mulheres assassinadas foram investigados em 2013. E, em El Salvador, só em 2014, entre janeiro e outubro, mais de 300 mulheres entre 12 e 18 anos foram encontradas em valas comuns não identificadas. As vítimas de feminicídio muitas vezes apresentam sinais de tortura, estupro ou mutilação mamária e genital, e partes do corpo desmembradas. Nesse contexto violento, o movimento camponês internacional Via Campesina está liderando uma Campanha Global para Acabar com Todas as Formas de Violência contra as Mulheres, que visa elevar a consciência pública sobre as causas fundamentais e todos os tipos de manifestações de violência contra a mulher, e para exigir o fim da impunidade.

Veja o artigo completo (em inglês) aqui:
http://viacampesina.org/en/index.php/main-issues-mainmenu-27/women-mainmenu-39/1715-femicide-and-impunity-a-humanitarian-crisis-in-central-america-and-a-growing-problem-worldwide