Movimento Mundial pelas Florestas Tropicais

A floresta no Brasil à venda

Desde que o Jair Bolsonaro assumiu a presidência do Brasil, o desmatamento não só está em alta, está cada vez mais fora de controle. Isso ocorre muito em função do desmantelamento dos órgãos de controle do governo. Significa que aqueles que desmatam estão ainda mais incentivados pela certeza da impunidade. Junte-se a isso uma política econômica neoliberal de privatização da floresta, e outras ações criminosas que colocam na prática a floresta e o Brasil à venda. Bolsonaro assinou recentemente o Decreto No. 10.623/2021 criando o programa “Adote um parque”. A articulação brasileira Grupo Carta de Belém denuncia que com este Decreto o governo está  “colocando de vez uma pá de cal nas políticas públicas de conservação, recuperação e melhoria das Unidades de Conservação federais.  O Adote um Parque privatiza e transfere a responsabilidade pública para pessoas físicas e jurídicas privadas, nacionais e estrangeiras, promovendo a governança privada sobre territórios de interesse coletivo e social. Por apenas 50 reais/10 euros por hectare, o governo ecocida faz uma verdadeira pechincha com os bens comuns do Brasil.”  Leia a carta do Grupo Carta de Belém na íntegra em português aqui. Outra noticia preocupante foi divulgada pelo BBC brasil através de um documentário onde mostra no estado amazônica Rondônia a ação criminosa pela qual áreas dentro de reservas ambientais e territórios indígenas estão sendo anunciadas na seção ´venda de imóveis residenciais´ do MarketPlace, espaço do Facebook aberto a todos os usuários. Veja o documentário na integra aqui.