Movimento Mundial pelas Florestas Tropicais

A violência do carbono: os impactos das plantações para carbono da Green Resources em Uganda

Um novo relatório do Instituto Oakland introduz o termo “violência do carbono” para descrever o impacto das operações de plantio da Green Resources, em Uganda, sobre as comunidades locais e seu ambiente. A Green Resources é uma empresa de plantações com sede na Noruega, que tem 41.000 hectares de plantações em Moçambique, Tanzânia e Uganda. As plantações da empresa, certificadas pelo FSC, são usadas para produtos de madeira e geram créditos de carbono. O relatório constatou que algo entre 8.000 e 40.000 pessoas “enfrentam profundas perturbações em seus meios de subsistência, incluindo muitas que passam por despejos forçados”. Além de perder o acesso à terra, os moradores das aldeias relatam poluição da água e da terra pelos agrotóxicos usados nas plantações. Veja o artigo, em inglês, aqui: http://www.redd-monitor.org/2014/11/04/carbon-violence-the-impact-of-green-resources-carbon-plantations-in-uganda/; e o relatório completo, em inglês, aqui: http://www.oaklandinstitute.org/darker-side-green